Translate

quinta-feira, 21 de março de 2013

amado destino


Sabem aquela música que sempre nos faz chorar?
Eu também tenho uma. A minha música fala sobre "eu estar destinada a ti" e "que as histórias não são nada sem alguém para acreditar nelas"... Será a minha música verdade? Ou será só a banda sonora que me faz chorar sempre que a ouço?
Eu penso que seja o meu destino acreditar que amar é mais poderoso que tudo o resto e que os teus olhos foram criados só para mim... que todas as gerações da minha família e da tua viveram os seus destinos para que os nossos se encontrassem, para que fossemos assim como seres prefeitos um para o outro, nós também viveremos nossos futuros para que pessoas futuras tenham os seus destinos.

Não será por acaso que te amei várias vezes no passado sem saber que o futuro dar-me-ia algo com que sonhei... Não será por acaso que se não resultar desta vez teremos destinos distantes que se cruzaram novamente... Nós somos um do outro, pelo menos os nossos corações são um só.

Posso não saber se vou ter um futuro brilhante, se um dia, todos vão adorar ler os meus livros ou se um dia tu tocarás piano dentro de uma sala repleta de pessoas influentes. Mas de uma coisa estou certa mesmo que tudo corra mal, mesmo distantes, mesmo sem nos falarmos, mesmo sem nos lembrarmos um do outro, encontrar-nos-emos sempre para que eu te possa voltar a amar.

domingo, 10 de março de 2013

Lágrimas


Não chores mais minha princesinha… As vezes as lágrimas não curam qualquer coração, as lagrimas não movem as pesadas pedras desta horrível sociedade, não chores mais minha menina que com essas lágrimas só irás mudar o sentido da minha razão…
Já tantas vezes chorei assim como tu, quantas vezes disse eu que amava quem nem de amor sentia comichão. Homens são monstros desejosos de sangue ou de prazer e quando esses dois desejos se unem nada vale menos que as palavras que tão bem sei empenhar. As lágrimas dos teus olhos já mais serão como sangue a escorrer por entre as mãos, por isso princesinha não chores, que precisarás dessas lágrimas dentro do teu ser a vibrar com sede de vingança. Aí pequena irás tornar-te em mais um deles, já que não nasceste de dentro de um ser de tal forma horrendo, eles tornar-te-ão um deles, ou podes esconder-te num local chamado de morte para onde as suas almas perdidas já mais te irão encontrar, pois quando esses morrerem só deixaram o rasto de destruição porque saudade, ah saudade, essa linda palavra que não tem tradução, será o esquecimento da maldade que fizeram a criancinhas como tu.